Loopy, o Bichon Frisé mais sortudo de Floripa

Oi pessoal,

Meu nome é Loopy Cachoeira dos Lobos. Sou um Bichon Frisé. Fui convidado para contar a minha história aqui, na página da Cão.Com, porque eu sou um dos clientes mais antigos da Clínica. Quanta honra! Quanta responsabilidade!

O Começo

Nasci em 2003 e no próximo dia 31 de agosto completo 14 aninhos, todos muito bem vividos.

Fui o maior, mais bonito e mais charmoso machinho da minha ninhada, com toda a humildade! Eu era o único com o focinho cor de rosa, para combinar com o meu tom de pele.

Deve ter sido por isso que aquela moça que veio me ver quando eu tinha só 30 dias se apaixonou por mim à primeira vista. Eu ainda mamava e cabia na palma da mão. Mas ela não me levou para casa na primeira visita, demorou mais um tempinho, mas ela voltou para me buscar. Até recomendou que colocassem uma fitinha para não me trocarem na maternidade, mas o meu narizinho cor de rosa me diferenciava dos meus irmãos, então pude dispensar a fitinha.

Alguns meses depois aquela moça simpática voltou e trouxe os amigos: o pai, a mãe a até a Vó Carola. Não entendi muito porque precisava de tanta gente só para me levar para a minha nova casa. Demorou um pouco até eu entender de verdade. Era só o início de uma relação de amor.

A Primeira Casa

Me levaram para uma casa nova e ganhei uma caixinha de sapato. Durante os primeiros dias, fiz o que sabia fazer de melhor à noite e longe da minha ninhada: chorei muito.

Meu avô Antonio e minha avó Marilene se revezavam nos cuidados noturnos. Acho que eles tinham medo que a bisavó Carola pisasse em mim, ela já era velhinha e podia tropeçar ou mesmo me machucar sem querer. Nesta época, meu tratamento já era VIP.

Depois que a Vovó voltou para a casa dela eu fui solto. Primeiro tiraram todas as minhas pulguinhas. Depois, me ensinaram a fazer pipi no jornalzinho, coisa que aprendi bem rápido, porque gosto de tudo cheiroso e arrumadinho. Nesta época eu ainda cabia dentro das pantufas e era lá que costumava passar boa parte do meu tempo.

Sem os meus irmãos e na ausência da vó Carola, fiz o que qualquer cão de caráter teria feito no meu lugar: arranjei um cantinho na cama dos meus novos pais!

A Mudança

Algum tempo depois, nova mudança, do apartamento para uma casa. Eles só esqueceram de me avisar que eu teria que fazer pipi na grama dali para a frente. Foi bem difícil no começo, eu não queria de jeito nenhum. A torcida era grande. O primeiro pipi na grama a gente nunca esquece. O meu teve até comemoração com direito à salva e palmas!

Meu inseparável bichinho de pelúcia andava sempre comigo, mas quem nunca teve um bichinho preferido na infância que atire a primeira pedra….

O Ponto Fraco

Todo mundo tem um ponto fraco. O meu é o estômago. Em determinada época da minha vida comecei a passar mal, enjoar, vomitar e a ter diarreia. Nada resolvia. Um dia, comecei a fazer pipi com sangue. Comecei a ter infecções urinárias recorrentes. Foi quando descobriram que eu estava com cálculos renais.

Por algum tempo meus pais conseguiram resolver meus sintomas com ração especial. Mas em 2003 um cálculo renal passou a impedir que eu conseguisse fazer pipi. Lembro que doía muito mas eu fui valente.

A Cirurgia

Me levaram na Cão.Com, na emergência, num domingo ensolarado. O Dr. Luciano Granemann e o Veterinário de plantão me operaram no mesmo dia e removeram 14 cálculos nos meus rins. A operação até que foi tranquila. Duro foi dormir pela primeira vez longe dos meus pais. Senti muitas saudades deles.

Em 2 semanas eu já estava novinho em folha e retornei para casa. Mas um ano depois os cálculos voltaram.

Mudança Radical

Foi quando a minha mãe conheceu a alimentação natural para cães. Ela achava que a ração não me fazia bem. Por sugestão da mãe do Babull, um Bulldog Inglês que mora em São Paulo e tinha os mesmos problemas que eu, encontramos a M.V Sylvia Angélico, especialista em nutrição para animais.

Desde então tenho me alimentado com comida natural. Tudo certinho e balanceado para a minha idade, raça e idade, como manda o figurino.

O Dr. Eduardo

O Dr. Eduardo Gianini Xavier me acompanha e garante que minha saúde esteja sempre em dia. Foi ele quem detectou no ano passado um probleminha no meu coração. Disse que é por causa da idade. Comecei a fazer acompanhamento com um Cardiologista. Com todo esse amor e cuidados veterinários, posso estar com 14 anos mas me sinto com um corpinho de 8!

Vida de Celebridade

Há alguns anos ganhei o concurso de natal como o cãozinho mais lindo da Cão.Com! Virei celebridade! Fui até “entrevistado” na RBS TV, no Bom dia Santa Catarina, sobre tosa e pelagem. Não é por nada que me escolheram, com o meu pelo branquinho e a minha tosa fashion…

Meus segredos

Já namorei bastante também, tive 23 filhotinhos. Tive que espalhar todo o meu charme por aí.

Sou um pouco ciumento com os outros cães, demoro um pouco para me dar bem com eles. Mas como sou boa gente, com o tempo me acostumo. E me apego!

Vou contar um segredo para vocês: eu A-DO-RO fogos de artifício! Fico vidrado com aquelas luzes todas! Quando chega o Reveillon, minha avó Marilene sempre me pega no colo e me leva para a sacada só para ver os fogos de artifício. Não tenho medo nem do barulhão.

Gosto muito dos meus avós também. Sou puxa saco do meu avô. Minha avó Marilene é quem faz a minha comidinha, ela sabe todas as coisas que eu gosto e posso comer.

Também AMO água de côco, passear de carro e dar um rolê aqui na Beiramar em Florianópolis. Ô cidade linda de viver!

Escovo os meus dentes todos os dias, até subo no sofá na hora da escovação. Depois dou umas boas lambidas na escova de dentes, que não sou de ferro.

As Crianças

Faz pouco tempo que me apresentaram às crianças. Foi em 2015, quando meus primos humanos Lucas e Sofia, filhos da Tia Elaine Cristina, nasceram. Os gêmeos são demais! Eu e a Sofia nos damos muito bem, somos praticamente almas gêmeas.

Além de mim, meus pais Andrea e Vinícius adotaram 2 irmãos caninos Negão e Shakira, dois arteiros incríveis. Sou um membro dessa família linda e amorosa que me escolheu e sei como sou sortudo por fazer parte dela. Eles comemoram comigo todos os meus aniversários, com direito a bolo e tudo.

Celebrando a Vida

Curto me fantasiar, seja no natal, no halloween, na páscoa ou no carnaval.

Minha mãe Andrea me chama de Anjo, de Milord, me considera como um filho mesmo, e me cuida sempre além da conta. Obrigado, Mamãe! Você é demais!

Obrigado

Para finalizar a minha história, eu quero agradecer.

Primeiro aos meus pais, pela vida especial que me proporcionaram. Todos os animais deveriam ter as mesmas condições que eu tenho, uma combinação exata de amor e cuidados.

Depois aos meus avós, que são uma parte muito importante de mim e responsáveis por muitos momentos felizes e por eu estar tão bem de saúde. À Tia Elaine, à Sofia e ao Lucas. Ao Negão e à Shakira. Vocês são a minha família.

E, por fim, a todo o pessoal da Cão.Com. Vocês são atentos, capazes e incansáveis. Obrigado por estarem sempre aí quando eu preciso.

Um lambeijo bem gostoso em todos vocês.

Loopy Cachoeira dos Lobos

O Bichon Frisé mais sortudo de Floripa

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

CAO.COM

A Cão.Com é uma Clínica e Hospital Veterinário para cães e gatos com uma Equipe multidisciplinar de mais de 30 Colaboradores. Contamos com uma estrutura completa para atendimento de emergências e procedimentos de alta complexidade, atendendo presencialmente 24 horas todos os dias do ano em nosso Hospital Veterinário no bairro Santa Mônica, em Florianópolis.
Conheça também as nossas Pet Shops e o serviço de Banho e Tosa em nossas duas unidades: na Av. Madre Benvenuta, no bairro Santa Mônica, e na Travessa Stodieck, no Centro de Florianópolis.

Comentários
  1. Amei a homenagem do nosso anjo de 4 patas,obrigada a todos da cão.com,em especial para Eloíza,que montou essa homenagem linda,chorei mto de felicidades e que São Francisco de Assis proteja sempre nosso Loopy,nosso anjo para ter muita saúde e viver muitos anos felizes como vive,Loopy vovó te ama demais,e com certeza agora com meus netos ele vai ser ainda mais feliz,só posso agradecer a Deus por colocar esse anjo de 4 patas em nossas vidas,te amo meu anjo!!

    Obrigada
    Marilene!!!

  2. elaine cristina silva

    Nosso anjo de quatro patas. Te amamos

Deixe um comentário